Página 1 de 6 123 ... ÚltimaÚltima
Mostrando resultados 1 até 10 de 60

Tópico: [Galeria] monobiomórfico

  1. #1
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão [Galeria] monobiomórfico

    Preciso escrever. Nem que só saia lixo_

    ---------- Post adicionado em 18:36 ---------- Post anterior era as 17:09 ----------

    Just kiss me
    A porta se abre. Um homem fardado, com uma expressão fúnebre em seu rosto. Um carro preto ao fundo, com bandeiras do país e da capital.
    A expressão da mulher mudou completamente. De um sorriso em comemoração à festa de seu filho de um ano, passou para uma seriedade dolorosa e intransmissível por palavras.
    - Senhorita Scarlet St. Paul?
    - Senhora St. Paul.
    - Tenho notícias sobre o seu marido.
    - Theodore? O que houve com o meu Theodore?

    Queria que esse abraço durasse pra sempre. Que esses lençóis nos envolvessem pela eternidade. Só nós dois.
    A manhã estava quente, uma manhã de verão. Todo e qualquer ser vivo, ansiava por um gole d'água.
    - Theodore? Você está acordado?
    - Scarlet?
    - Não vá à guerra - disse, sonolenta.
    - É pela pátria...
    - E quanto ao meu amor? Não significa nada?
    - Scarlet, eu te amo...
    - Eu sei, estava me fazendo de tola. Se você não for, será preso. Se for, poderá morrer.
    - Pesando assim, tendo a não ir.
    - Você morreria numa prisão. Enlouqueceria facilmente.
    - Vamos parar com isso. Me beije.
    Quase sem desgrudar os lábios de Theodore, Scarlet disse:
    - Eu espero um herdeiro.
    - Scarlet?
    - Mais um Saint Paul, Theo. Estou grávida.
    - Kiss me one more time, please! I love you Scarlet!
    (Beije-me mais uma vez, por favor! Eu te amo Scarlet!)
    - Não quero que você vá. Fique comigo.
    - Eu preciso ir.
    - Pelo nosso filho!
    Theodore se preparava para levantar.
    - Eu não posso.
    - Theodore...

    - Você ainda não me respondeu! Answer me! Where is he?
    (Você ainda não me respondeu! Responda-me! Onde ele está?)
    - Acalme-se! Theodore está vivo.
    - Onde?!
    - No Hospital Central, na capital.
    - Me leve até lá!
    - Senhora...

    O homem abriu os olhos, sem saber onde estava. Todo enfaixado, com cicatrizes espalhadas pelo corpo, só reconhecia o cheiro no ambiente. O perfume... aquele perfume...
    - Scarlet?
    Num pulo, a mulher já estava sobre Theodore.
    - Oh, Scarlet!
    - Theodore! Não diga nada! Apenas... just kiss me.
    (Theodore! Não diga nada! Apenas... apenas me beije.)
    Última edição por m.corr; 09-01-11 às 22:29
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  2. #2

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Boa história, deu aquela imaginação, aquela sensação de tensão, tive a oportunidade de pensar o que aconteceu em cada parte da história, isso é bom.

    Yah baby, sou o Lord Pinguin!


  3. #3
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    vlw Fowkes!
    Fico feliz que tenha gostado ^^
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  4. #4
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Este eu escrevi com a ajuda de uma amiga pelo msn (vlw Dri ^^). Não me matem pelo final.

    Cisão
    Era uma daquelas tardes normais de inverno, quando dois rapazes conversavam sobre assuntos diversos em uma mesa afastada num café. Um deles, alto e largo, começou a zombar da namorada do amigo, porque ela era uma das mais inteligentes do colégio. O outro, também alto, mas puro osso, defendia sua namorada, rebatendo as agressões do amigo com grosserias e palavras afiadas.
    - Eu estou só brincando - disse o largo.
    - Pois não brinque mais. Não vejo graça nenhuma nesse tipo de brincadeira. Por que, afinal de contas, todo o jogador de futebol tem que namorar uma loira gostosa e burra? A minha moreninha dá de dez numa dessas.
    - Não se iluda, mais dia menos dia você também terá uma namorada burra, Cláudio.
    - Não estou me iludindo! Aninha é muito mais do que eu sonhei.
    - Ah, é? Vê se escreve uma música pra sua CDF.
    - Enquanto eu escrevo, fique chupando dedo depois de ter sido chutado pela mesma CDF.
    - Cláudio! Qual é, mano? Eu só tô brincando.
    - Já disse pra você parar.
    O alto e magro se levanta da mesa e sai do café.
    Seu celular toca, era Aninha, sua namorada, dizendo que tinha uma coisa urgente para falar com ele.
    - Tá bom, Anna! Passa na minha casa hoje. Tô indo pra lá.

    Cláudio avistou Anna na porta de sua casa. Ela era mesmo rápida.
    - Oi amor - disse ele tentando beijá-la. Ela se esquivou.
    - O que há?
    - Eu não aguento mais isso Cláudio.
    Cláudio? Ela nunca o chamava de Cláudio, a menos que a situação estivesse preta.
    - O quê? O que está havendo Anna?
    - Eu quero terminar com você.
    - Por quê?
    - Eu não aguento mais enfrentar gozações a seu respeito.
    - Mas... Eu achei que você me amasse... Eu achei...
    - Desculpe... - Ela se virou e caminhou pela rua deixando o rapaz parado na porta.
    Cláudio podia ficar com essa dúvida pelo resto da vida, mas não permitiria que ela fugisse dessa forma.
    - Anna! Espera!
    - Eu já disse o que eu tinha que dizer. Não quero mais nada com você! - ela estava desesperada, chorando com amargura.
    - Você me disse que é porque você não aguenta mais enfrentar gozações. Gozações?! Você sabe o que é enfrentar gozações por sua causa?
    - Eu acho que você é quem não sabe! Todos dizem que eu posso arranjar coisa melhor, que você é burro, incompetente, que pensa com os músculos.
    - Que você é fechada, que se veste mal e que na hora H estaria com uma calculadora nas mãos. Eu escuto isso de você, Anna! Mas ainda assim eu te amo! Não me importo com que os outros digam. Eu apenas te amo. E esse amor é forte o suficiente pra driblar qualquer coisa que venha contra nós.
    Cláudio subitamente abaixou o tom de voz e deu às costas para Anna.
    - Dinho?! Onde você vai? Dinho! Volte aqui!
    Anna o segurou pelo braço.
    - Você quer ir, Aninha? Pode ir. Percebi que o seu amor por mim não é forte o suficiente. Percebi que numa dificuldade você vai fugir.
    - Não, Dinho... Eu te amo.
    - Não. Você nem ao menos sabe o que é o amor.
    Cláudio passou a mão na cabeça.
    - Sob o meu travesseiro está a caixinha do seu anel de noivado. Eu queria passar o resto da vida com você, Aninha.
    - Nós podemos passar o resto da vida juntos... Eu te amo... Eu sei que você me ama também!
    - Não, não, não! Não, Anna! Não! Eu não te quero mais. Se você soubesse... Eu enfrento o mesmo tipo de zombaria que você enfrenta. E ainda assim, não vim te procurar pra te dar um fora. Isso é coisa de gente fraca.
    - Cláudio!
    - Eu não quero mais saber de você, Anna. Volte pra sua casa e viva a sua vida. Eu vou viver a minha longe de você!
    Última edição por m.corr; 09-01-11 às 22:32
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  5. #5
    Neko_chan
    Visitante

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    E eu ajudei a escrever , hein! ( duas frases)
    Perfeito igual todos os seus texto ^^

  6. #6
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    own! Vlw Dri, quer dizer, Neko... ^^
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  7. #7
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Espero que esse seja o meu último texto dramático dessa série.

    Juramento
    Essa chuva...
    Esse vento...
    Esse frio...
    Nada me importa. Só me importa cumprir o meu juramento.
    Meu jeans molhado, pesando por causa da água ácida da chuva. Meu blusão azul escurecido e minha camiseta encharcada.
    Nada me importa. Só me importa cumprir o meu juramento.
    Eu nunca deveria ter te deixado dirigir. Naquele estado... Você estava bêbada. Tão bêbada que me fez jurar que eu viveria a minha vida caso você morresse.
    Isso me importa. Cumprir o meu juramento.
    Essa é a última chance que eu tenho de te amar. Essa é a última chance que você me deu. A última permissão sua para eu te amar.
    Isso me importa. Cumprir o meu juramento.
    Eu jurei que viveria sem você. Jurei que amaria a outrem.
    Isso me importa. Cumprir o meu juramento.
    Indo ao seu enterro, lágrimas me correm ao rosto. É a última chance de te amar. É a última prova de amor. Aliás, a penúltima. Eu ainda tenho que cumprir o meu juramento. Amar a alguém sem ser você. Por mais que me doa, por mais que eu me pergunte como viveria sem você, eu tenho que cumprir. Cumprir o meu juramento.
    Isso me importa.
    Você me importa.
    Por você eu faço isso.
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  8. #8
    É mais um por aqui Avatar de m.corr
    Registrado em
    Jan 2010
    Localização
    São Paulo e, depois, O MUNDO!!! muhauhauhauhahaha
    Posts
    38

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Diferente ponto de vista
    Fui quebrado pela primeira vez em mil novecentos e cinquenta e três, quando ainda era uma 'criança'. Lembro-me que me arremessaram longe e meu vidro se espalhou por toda a sala. Aquela mulher, Catarina o nome dela, era louca. Após ter seu primeiro filho, acabou sendo internada num hospício. Passaram-se algumas horas e decidiram me colar de novo. Ainda bem que o fizeram antes que eu morresse.
    Depois de exatos vinte anos, me arremessaram novamente contra uma parede. Alguns pedaços ficaram intactos, mas outros se dissiparam em milhares de caquinhos. Acabou que o meu dono, um colecionador de raridades, decidiu me colar mais uma vez.
    Recentemente, eu estava quieto no meu canto, desempenhando a minha tão usual função de vaso. Os meus donos começaram a brigar (quantas vezes já não vi isso?) e aí, ela me pegou e ficou ameaçando me quebrar. Eu entrei em desespero, o meu dono também. Eu fui o vaso da mãe dele, e da avó dele também. Mas a mulher, ensandecida, me jogou com força no chão. Senti mais uma vez que poderia morrer. Os meus caquinhos, infelizes, e sua cola não resistiriam a mais essa quebra. E outra, eu já estava velho. Mais de sessenta anos! A última coisa que vi foi o meu dono e aquela mulher se abraçando, se beijando e indo para o quarto.
    Acho que a minha história se acaba aqui. Quero morrer antes de me ver sendo jogado no lixo. Apenas mais um vaso quebrado.
    monobiomorfismo/Klugg

    [O amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta - I Coríntios 13:7

  9. #9

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Tive pena do vaso.':\

    Yah baby, sou o Lord Pinguin!


  10. #10

    Padrão Re: [Galeria] monobiomórfico

    Citação Postado Originalmente por Fowkes Ver Post
    Tive pena do vaso.':\
    Fomos dois, mas foi engraçado. lol


Tópicos Similares

  1. Galeria Boo
    Por Boo no fórum Mural de Arte
    Respostas: 44
    Última Mensagem: 14-11-10, 11:59
  2. Galeria
    Por war no fórum Arquivos do Jogo
    Respostas: 3
    Última Mensagem: 13-12-09, 23:41
  3. Galeria
    Por Nejigor no fórum Arquivos do Jogo
    Respostas: 3
    Última Mensagem: 11-12-09, 23:44
  4. [galeria]yen
    Por yen no fórum Mural de Arte
    Respostas: 37
    Última Mensagem: 19-12-08, 16:22
  5. [Galeria] reo
    Por Shafuldifornio no fórum Mural de Arte
    Respostas: 25
    Última Mensagem: 12-07-08, 21:16

Regras para Posts

  • Você não pode postar novos tópicos
  • Você não pode postar respostas
  • Você não pode postar anexos
  • Você não pode editar seus posts
  •